Apresentação

 

O Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo – PPGAU da Universidade Federal Fluminense foi criado pela Resolução UFF nº 71 de 03 de julho de 2002. Começou suas atividades com nota 3 (sobre 7), como de praxe, ascendendo ao conceito 4 na avaliação da CAPES de 2007. Ofereceu inicialmente o Curso de Mestrado e em março de 2012 teve implantado seu Curso de Doutorado. As seleções para os dois níveis de aperfeiçoamento ocorrem anualmente, sendo a de Mestrado no 1º semestre (com até 20 vagas) e a de Doutorado no 2º semestre (com até 12 vagas).

O PPGAU destina-se à qualificação de professores, pesquisadores e profissionais arquitetos e urbanistas e de outras formações, tendo como área de concentração Produção e Gestão do Ambiente Urbano. Considera o fato dos profissionais virem assumindo, cada vez mais, funções de coordenação técnica, com crescente grau de complexidade e de exigência de qualificação. Responde a essa constatação oferecendo um conjunto de disciplinas que envolvem a coordenação de recursos materiais e humanos de modo interdisciplinar, resultando em uma sólida base de aperfeiçoamento strictu sensu. Oferece também preparação para docência, com estágios realizados sob a supervisão pedagógica de professores/educadores.

Em decorrência do crescente interesse e participação de arquitetos e urbanistas nas administrações em diferentes instâncias, revela forte empenho na investigação sobre diferentes vertentes de gestões atuais, bem como no que concerne à reflexão sobre os processos e agentes sociais, em sua vinculação com a produção do ambiente construído. Possui três linhas de pesquisa: (1) Projeto, Planejamento e Gestão da Arquitetura e da Cidade; (2) Cultura e História da Arquitetura, da Cidade e do Urbanismo e (3) Espaço Construído, Sustentabilidade e Ambiente.

O caráter interdisciplinar marcante na referida área de concentração, pressupõe conhecimentos de arquitetura, urbanismo, planejamento urbano e regional, história, sociologia e geografia, entre outros, cuja interdisciplinaridade se justificada pela complexidade das questões urbanas, o que se reflete na produção científica de seu corpo docente, e corpo discente em formação, O exercício dessa interdisciplinaridade também se espelha na estruturação de suas disciplinas e no conteúdo didático-pedagógico do Programa, que objetiva inserção social, profissional e acadêmica, valorizando seu caráter teórico – conceitual, empírico e de desenvolvimento metodológico em sua grade curricular.

 

Gestão Atual:

2013/2015

José Simões de Belmont Pessôa  – coordenador
Fernanda Furtado de Oliveira e Silva  – subcoordenadora